Accessibility links

Breaking News

Dia Mundial de Luta contra a Poliomielite 2020


Uma criança recebe uma dose da vacina contra a pólio (RDC, Twitter/Unicef, arquivo)

A poliomielite, ou pólio, é uma doença infecciosa paralisante e potencialmente fatal causada pelo poliovírus. O poliovírus invade o sistema nervoso central e pode causar paralisia total em horas. Pode afectar pessoas de qualquer idade, mas as crianças menores de cinco anos estão especialmente em risco. A poliomielite pode ser prevenida com vacinas, mas não é curável depois de alguém ter sido infectado.

Em 1988, a Assembleia Mundial da Saúde prometeu erradicar a poliomielite, uma doença responsável por mais de 350 mil casos de paralisia infantil por ano em 125 países.

As contribuições da Agência dos Estados Unidos para o Desenvolvimento Internacional (USAID) ajudaram a garantir a erradicação da poliomielite selvagem nas Américas em 1994, no Pacífico Ocidental em 2000, na Europa em 2002, no Sudeste Asiático em 2014 e, mais recentemente neste ano, na África. Em meados de agosto, a África foi certificada como livre da pólio selvagem, após quantro anos sem novos casos. A Nigéria foi o último país a cumprir os rigorosos padrões de certificação, juntando-se a 46 países da região para comemorar este marco histórico da saúde pública.

Hoje, os casos de pólio foram reduzidos em 99,9 por cento, e apenas o Afeganistão e o Paquistão continuam a registar casos endémicos de pólio.

Em muitos países, o caminho para a erradicação da pólio não tem sido fácil. Conflitos prolongados, desinformação, populações deslocadas, comunidades remotas e outros desafios pararam - e continuam a dificultar - os esforços dos países que tentam combater o vírus. No entanto, se a transmissão residual do vírus deve ser interrompida, uma resposta sustentada e em evolução deve continuar. Somente através da dedicação inabalável, da solução criativa para problemas e do incrível trabalho árduo das comunidades locais, governos nacionais e parceiros globais é que um mundo livre da pólio está ao nosso alcance.

Em parceria com esses incontáveis trabalhadores de saúde, líderes comunitários e voluntários, que nunca perderam de vista como chegar até à última criança, o apoio da USAID à erradicação global da pólio ajudou a garantir que mais de 400 milhões de crianças sejam vacinadas contra a pólio a cada ano. Hoje, quase 19 milhões de pessoas caminham, que de outra forma teriam ficado paralisadas e mais de 1,5 milhão de pessoas estão vivas, depois de terem vencido a poliomielite.

Este ano, 2020, é notável para comemorar o Dia Mundial da Pólio, com a região da África certificada como livre da pólio selvagem, mesmo com a pandemia da Covid-19 a dificultar os cuidados de saúde essenciais em todo o mundo, incluindo programas de vacinação de rotina. A USAID e seus parceiros pretendem usar as lições aprendidas e a infraestrutura construída na erradicação da pólio para formatar a nossa resposta à actual pandemia e a futuros surtos de doenças infecciosas.

XS
SM
MD
LG